Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Delasnieve Daspet – A cada nascer do sol’ Category

POST_A CADA NASCER DO SOL

A cada nascer do sol

Delasnieve Daspet*

A cada nascer do sol

Espero que em seus raios nasçam

O fim das desigualdades, das dores, dos sofrimentos.

A cada nascer do sol

Espero que os sonhos das pessoas

Se fortaleçam, nasçam e cresçam e se

Façam presentes, sempre.

A cada nascer do sol

Acalento um sonho fugaz de igualdade.

Pois sei que a letra é morta

E que a palavra é vida.

A cada nascer do sol

Sei que o mundo, para mim, fica menor,

Que, no meu horário, já se faz tarde,

E que a passos lentos caminho,

O caminhar final…

 

A cada nascer do sol me questiono:

Aonde quero chegar?

Onde quero ir?

Quando vê, não viu, não chegou, nem saiu…

 

A cada nascer do sol me respondo,

Porque, embora embace e trapaceie, sei a resposta,

Que, do caminho que busco, encontro

Todos os sinais no percurso…

 

A cada nascer do sol

Está, dentro de mim, a certeza

Dos indicativos para chegar com segurança…

 

A cada nascer de sol me cabe decidir.

Discernir com sabedoria e equilíbrio

Cada passo a seguir.

 

A cada nascer do sol

Sei que tenho de caminhar,

Sei que tenho de decidir,

Sei que tenho de buscar,

Sei que tenho de fazer,

Sei que tenho de conhecer!

_____________________

31-05-05

Campo Grande MS

*Advogada e ativista das causas da Paz, Sociais, Humanas, Ambientais e Culturais Delasnieve Miranda Daspet de Souza é sul-mato-grossense de Porto Murtinho, onde nasceu e cresceu em meio a exuberante natureza que é o Pantanal do Mato Grosso do Sul, Brasil, residindo em Campo Grande-MS. Casada, tem dois filhos. É poeta. Ativista da Biopoesia. Cronista, ensaísta, palestrante, professora, educadora, faz trabalho social com menores carentes, pertence e representa várias associações e academias literárias e culturais nacionais e internacionais.
Anúncios

Read Full Post »